• L020 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz da face
  • L021 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz do pescoço
  • L022 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz do tronco
  • L023 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz da nádega
  • L024 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz do(s) membro(s)
  • L028 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz de outras localizações
  • L029 - Abscesso cutâneo, furúnculo e antraz de localização não especificada

Pesquisar

O CID L02 indica infecção estafilocócica na pele, incluindo furúnculo e furunculose. Ele exclui órgãos genitais externos femininos, órgãos genitais externos masculinos e regiões anal e retal. Existem seis subcategorias para o CID L02, que variam de acordo com a localização do abscesso cutâneo, furúnculo ou antraz. Além disso, o L02.9 engloba abscessos cutâneos, furúnculos e antraz de localização não especificada, enquanto o L02.8 se refere a abscessos cutâneos, furúnculos e antraz de outras localizações.

O furúnculo é uma infecção aguda da pele, causada por bactérias como o Staphylococcus aureus, caracterizada por inflamação e pus. Geralmente ocorre em folículos pilosos, resultando em dor, inchaço e vermelhidão localizados. O tratamento pode incluir drenagem do pus e uso de antibióticos.

O furúnculo afeta um único folículo piloso, enquanto o antraz (ou carbúnculo) é uma infecção mais profunda que envolve vários folículos pilosos adjacentes. O antraz geralmente causa uma área maior de inflamação e pode ser mais grave do que um furúnculo isolado. Ao perceber qualquer um dos sintomas, é indicado buscar ajuda médica o mais rápido possível para evitar outras complicações.

Dúvidas frequentes sobre furúnculo

Normalmente as causas desse problema se relacionam com a infecção do pelo (folículo piloso), da glândula sebácea e do tecido cutâneo ao redor. O que pode agravar o risco do furúnculo é: Imunidade baixa;
Doenças renais;
Sobrepeso ou obesidade;
Falta de higiene pessoal;
Uso excessivo de roupas apertadas;
Umidade em excesso na pele.

Se você tem dúvida do que fazer para tirar o furúnculo, algumas dicas são:
Lavar bem o local com água e sabonete antibacteriano;
Ter uma boa higiene pessoal diariamente;
Ter uma alimentação equilibrada para desinflamar o organismo;
Buscar ajuda médica para reduzir a inflamação de forma adequada e evitar que o problema se agrave.

Algumas comidas podem aumentar a inflamação do organismo e piorar o quadro do furúnculo, entre elas: refeições congeladas, refrigerantes, doces e alimentos processados ou gordurosos.

É necessário buscar a ajuda de um médico para obter o diagnóstico e o tratamento adequado, a fim de tratar o problema corretamente.