Médicos e gestores enfrentam diversos desafios no setor clínico no Brasil, como manter as finanças em ordem, atrair e fidelizar pacientes e lidar com o cancelamento de consultas em cima da hora. Confira as estatísticas!

O setor clínico é um nicho em constante crescimento no Brasil. Saúde é um bem de primeira necessidade e, neste universo, clínicas particulares que sobressaem agregando valor aos seus serviços ganham destaque nacionalmente. Conforme o Sebrae, hoje o país tem 291.362 clínicas registradas nos seguintes CNAEs (Classificação Nacional de Atividades Econômicas): 

  • 8630-5/01: Atividade Ambulatorial com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos; 
  • 8630-5/01: Atividade médica ambulatorial com recursos para realização de exames complementares;  
  • 8630-5/01: Atividade médica ambulatorial restrita a consultas como atividade principal, com 17.481 filiais.

Destes, São Paulo é o estado que mais se destaca com 33.193 clínicas ativas, seguido pelo Rio de Janeiro, com 16.845. Aparecem, ainda, Salvador com 6.328; Brasília com 6.315 e Belo Horizonte com 6.146 estabelecimentos. 

Além destes dados, há uma tendência de que as Parcerias Público-Privadas do Brasil aumentem a carteira de pacientes de uma clínica, independente do segmento de atuação. O Governo Federal investe em clínicas e hospitais privados em troca de atendimentos diversos aos pacientes tratados pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

Neste cenário, é positivo para um profissional da medicina ou um empreendedor investir em uma clínica médica privada. Porém, alguns desafios inerentes ao setor acabam prejudicando a saúde da empresa. Em pesquisa realizada pela Conclínica, empresa que fornece software de gestão médica, os desafios das clínicas no Brasil ficaram bem claros. 

A empresa entrevistou mais de 100 profissionais, entre médicos e gestores, para entender quais os seus principais desafios e expectativas para os próximos anos.

Finanças e controle de pagamentos são o calcanhar de aquiles das clínicas no Brasil

Para 52% das empresas que existem além dos 2 anos, o principal desafio é manter as finanças em ordem e lidar com o reembolso de planos de saúde. Integrar o faturamento e as glosas com as entradas é um dos principais pontos. 

Infográfico com dados sobre o setor clínico no Brasil.Além da área financeira, outro desafio que as clínicas privadas no Brasil enfrentam é a dificuldade em organizar horários de consulta e lidar com os cancelamentos médicos realizados em cima da hora. Para 45% dos respondentes, lidar com o cancelamento e reorganizar a agenda é uma luta diária, enquanto 36% apontam a organização dos horários das consultas como um dos pontos que mais precisam de atenção. 

Infográfico com dados sobre o setor clínico no Brasil.Além disso, clínicas que possuem mais de uma unidade e filiais em diferentes bairros, usam o mesmo sistema e enfrentam problemas quanto à necessidade de organização da agenda médica.

Banner Conclinica teste app

Clínicas enfrentam problemas para atrair e fidelizar pacientes

Outros pontos abordados durante a pesquisa dizem respeito à relação entre clínica e paciente. Para 60% dos respondentes, atrair novos pacientes é uma das maiores questões. Outro ponto é a fidelidade, para 48% agendar o retorno do paciente é um problema substancial. 

Infográfico com dados sobre o setor clinico no Brasil.

Neste sentido, um dos pontos que elimina a ausência de novos pacientes são as indicações. Elas ajudam a manter a clientela rodando nas clínicas. A competição com outras clínicas não é algo que preocupa os respondentes. Apenas 21,9% apontaram este ponto como um desafio.

Normas e regulamentações das clínicas

Já com relação às regulamentações das clínicas privadas no Brasil, temos um desafio a ser vencido. Para 58%, manter as informações dos pacientes conforme a exigência da segurança de dados. Já para 31%, dispor do auxílio de outros médicos e suas respectivas equipes administrativas para manterem o funcionamento segundo as regras. 

Infográfico com dados sobre o setor clínico no Brasil.
Desafios das clínicas

Quando questionados sobre os principais receios para os próximos anos, errar na gestão financeira foi o termo mais apontado. 45% dos respondentes querem melhorar nesta frente. Já 39% apontam os processos e as responsabilidades legais como um ponto de atenção. 

Infográfico com dados sobre o setor clínico no Brasil.
Conclusão

O setor clínico privado está em expansão no Brasil. Contudo, precisa de profissionalização, principalmente na área financeira e administrativa. É importante que empreendedores, médicos e gestores estejam no mesmo nível de conhecimento para que o setor clínico rode de maneira positiva. 

Com isso, é importante entender que softwares de gestão e ferramentas podem ajudar neste ganho de tempo, automatizando processos e dando espaço para trabalhos mais estratégicos.

Nesse contexto, o Conclínica é um software para clínicas que oferece recursos para otimizar o fluxo de pacientes, agendar consultas com praticidade e gerenciar laudos e exames com total segurança. Tudo isso para garantir a eficiência operacional da sua clínica e oferecer um atendimento impecável aos seus pacientes.

Agende uma demonstração e comprove na prática como o Conclínica pode transformar a gestão da sua clínica.

 

Compartilhe em suas redes sociais